13 de outubro de 2012

Aparências


Por mais que a gente diga que aparência não conta, não é bem o que acontece, não é mesmo? Basta tomar meu Facebook como exemplo, uma foto minha sem maquiagem tem muito menos "curtir" que uma com. Problema? Nenhum, entendo porque as pessoas fazem isso, é porque o meu rosto "normal" é comum para todos aqueles que me vêem no cotidiano, e quando me mostro "produzida", as pessoas querem elogiar. Absolutamente nada de errado! O problema é quando isso vira motivo para ataque e chacota. "Essa daí é tipicamente aquelas meninas que só são bonitas na foto do perfil", "É aquelas patys que se enchem de maquiagem e Photoshop só para se sentirem bonitas na internet", "Só sai bonita por causa de maquiagem, Photoshop e câmera boa!", etc. 

Sim, eu gosto de maquiagem, bastante! Principalmente para tirar fotos, sempre gostei de me fotografar, de auto-retratos. Eu acho que isso não deveria ser motivo nenhum para implicâncias. Sério, o que que tem? E nem digo isso por mim, digo isso para um monte de meninas que conheço que recebem um monte de comentários maldosos, muito mais do que eu. Além disso, uma pessoa tirar fotos assim não quer dizer que ela viva de maquiagem porque "é feia e precisa de correção". É porque ela gosta e pronto. Tanto é que no dia-a-dia eu não faço uso da maquiagem, de vez em quando uma máscara para cílios para quando eu estiver com vontade e pronto.

E sobre o Photoshop, esse é um engano que muita gente comete. Não é só porque a foto é bonita que tem Photoshop ou qualquer outro programa de edição nela. Tem muita coisa que conta na composição de uma foto, e o resultado as vezes sai tão bom, que nem precisa de retoque, ou no máximo, uma corrigida aqui e ali da exposição e balanço de cores. E mesmo se for para corrigir uma espinha aqui e ali, qual o problema? Quem gosta de retratos sabe que na maioria das vezes deixar uma espinha lá não é nada interessante para o resultado final da foto.

Sobre a câmera? Quem entende de fotografia, sabe que quem tem uma SLR, é até "prejudicado" pela resolução das fotos, todas aquelas imperfeições na sua pele que não apareceriam numa foto tirada por uma compacta aparecem numa tirada por uma SLR. 

Bom, o que eu quis dizer com tudo isso é que as aparências ainda contam mais do que o interior. Não, não sou livre de preconceitos, toda vez que vejo uma menina com um super decote e os peitos praticamente saltando para fora da blusa eu penso "essa deve ser para namorar, heim...". Mas tenho pela consciência de que estou sendo absolutamente irracional, e que, apesar dela ter aquela foto no perfil de alguma rede social, ela pode ser uma pessoa muito, mas muito bacana. E é aí que a gente perde a oportunidade de conhecer pessoas maravilhosas. Fora que é o bullying de novo né, pessoas fazendo comentários maldosos com o objetivo de atingir o outro.

É isso, prometo que no próximo post vou falar sobre algo mais divertido ok? Hahaha! Espero que tenham gostado do post!

3 comentários:

  1. Também fico chateada com essas coisas, cada vez mais e mais a aparência física é que é importante para as pessoas... Beleza pra mim é outra coisa, é um conjunto de coisas e infelizmente nem todo mundo vê dessa maneira.


    É tão bobeira implicar com uma foto bem produzida, a gente que gosta de fotografia sabemos muito bem como é isso, que mal tem em usar uma maquiagem diferente ou sei lá o que e tirar um auto retrato? As pessoas deveriam se importar mais com outras coisas... isso é tão bobo.
    =/

    ResponderExcluir
  2. Achei super pertinente o tema do teu post. Alguns anos atrás eu costumava me divertir bastante me produzindo e pensando nas fotos, lugares, composições. Nada muito profissa não, hahah, mas era legal e as pessoas eram receptivas sim. De uns tempos pra cá a galera anda bem maldosa e acho que essa maldade vai além até desse tipo de foto que tu citou. Qualquer coisa inovadora, diferente - pelo menos no meu 'círculo de amizades' do Facebooks - já é vítima de comentários sarcásticos e tudo mais. Galera tinha que ter mais amor no coração, não é? hahah
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, parece que tudo hoje em dia é motivo para soltar maldades. O jeito é a gente fechar os ouvidos para esses comentários nada construtivos.
      Bota mais amor no coração hahahaha!

      Excluir