11 de novembro de 2012

As cachoeiras de Botucatu

Desde que descobri que havia cachoeiras em Botucatu por causa de uma amiga que foi já faz um tempinho, a minha vontade de ir só aumentava, e como o pessoal aqui de casa se empolgou até mais do que eu para ir, combinamos há algumas semanas e fomos hoje. Combinamos de sair cedo primeiro porque a previsão do tempo dizia que ia chover a tarde e a noite, segundo porque sempre é bom ir cedo para lugares que você não conhece muito bem né?
Acabamos indo em duas cachoeiras guiados por uma amiga da Jéssica que mora lá, e a primeira foi esta:



"Censurei" a cara da nossa "guia" porque não tenho intimidade com ela para ficar expondo o rosto dela no blog (aliás, não gosto de ficar expondo muito as pessoas aqui, por ser um site aberto), mas eu gostei tanto dessa foto que não resisti :)



Essa queda d'água era tão grande que não coube numa foto só hahaha! Mas era lindo, ficamos olhando para ela por vááááários minutos. A única coisa "ruim" é que "não dava" para nadar nela, fora que vimos uma cobra d'água nadando por lá, ou seja, não nadamos mesmo hahaha! É inofensiva né, mas mesmo assim.

Daí fomos para a segunda cachoeira, e lá podíamos nadar! :) É beeem mais baixinha que a primeira, mas bonita do mesmo jeito. A profundidade aumenta em questão de passos, então quem não sabe nadar tem que tomar um certo cuidado.


É engraçado que se você olha pro lado oposto da cachoeira, onde acaba o empoçamento de água  e começa o rio, nem parece que tem uma queda d'água atrás de você.



Eu e minha mania estranha de fotografar pés/pernas na água.

Tinha um povo pulando lá de cima e alguns amigos da Jéssica pularam também, mas simplesmente não é para mim. Nem subi na cachoeira para ficar sentada no "patamar" que tem ali porque as pedras que davam para subir estavam escorregadias feito sabão, desastrada como sou, com certeza iria cair hhahaha!



O riacho antes da queda.

Depois o povo ficou com vontade de tomar umas cervejas e fomos nesse lugar, não bebi cerveja mas fiquei encantada pelas câmeras velhas que o lugar tem como decoração, assim como muitos outros objetos antigos.





O bom da história toda é que tudo deu certo, a previsão do tempo falhou e não choveu, ninguém se machucou apesar de algumas loucuras... :)
E é nisso que se resume a nossa pequena viagem à cidade Botucatu. Com todo o desgaste do final de semestre, isso foi muito mais que merecido e necessário, deu uma boa esfriada na cabeça, fora que fazia MUITO tempo que não fazia trilhas (se é que as trilhas para essas cachoeiras não eram grandes). E pensando bem, acho que nunca tinha visitado uma cachoeira!
Com certeza ano que vem espero repetir a experiência, é bom demais relaxar um pouco, olhar para toda aquela beleza e esquecer um pouco dos problemas da vida e ficar só com gente que você gosta . Mais do que recomendado! 
Botucatu tem várias cachoeiras, é só pesquisar e ver qual parece ser a mais interessante para você! Espero que eu tenha encorajado as pessoas a largarem um pouco o que estão fazendo para fazerem um passeio do tipo, porque acreditem, renova a alma.

5 comentários:

  1. Que lugar lindo, seu cabelo se destacou ali. Te convido para visitar o meu blog, falo como vem sendo morar no Japao e tudo mais, contendo fotos e sobre viajens. <3 http://nicolekawai.blogspot.jp/

    ResponderExcluir
  2. Ameeeeeeei ameeeeeeeeei ! Sério... as vezes eu vou pra Botucatu na casa da minha cunhada, mas a gente só fica na casa dela lá e nunca sai muito.. Legal saber desses lugares por lá
    :)

    ResponderExcluir
  3. Eu amo cachoeiras *-*

    Belas fotos ... Beijos <3

    ResponderExcluir
  4. Qual cachoeira é essa segunda???? To querendo ir...

    ResponderExcluir